Reabilitação é a palavra de ordem para o Fortaleza. Sem vencer nem marcar gols há três jogos, a equipe cearense tem um oponente duro pela frente. O Leão enfrenta o São Paulo nesta quarta-feira (12), pela 2ª rodada do Brasileirão. Confronto é simbólico, sobretudo, para Rogério Ceni, ex-goleiro e um dos maiores ídolos do Tricolor Paulista.

Como técnico, Ceni nunca venceu o antigo clube e quer surpreender para quebrar sequência de reveses históricos e conquistar os primeiros três pontos para o Fortaleza. Pela primeira vez, o treinador encara o clube que o consagrou no Morumbi, palco que presenciou inúmeros gols e glórias do jogador lendário que defendeu a camisa são-paulina por 25 anos. O São Paulo estreia na competição, após jogo adiado diante do Goiás.

Pela 4ª rodada do Brasileirão 2019, o Tricolor Paulista encerrou uma sequência invicta de doze jogos do Fortaleza em casa. Venceu por 1 a 0, na Arena Castelão, com gol de Hernanes, aos 31 minutos do segundo tempo.
Já com Fernando Diniz no comando, os tricolores se reencontraram no returno do Brasileirão, pela 23ª rodada. O estádio Morumbi, que estava sendo local de show da banda Iron Maiden, não pôde ser utilizado e a partida foi disputada no Pacaembu. Igor Gomes e Pablo converteram para o São Paulo, enquanto Wellington Paulista descontou para o Fortaleza. Jogo ainda teve cena inusitada: um enxame de vespas tomou conta de uma das bandeirinhas de escanteio e paralisou jogo por cinco minutos.