O jogo entre São Paulo e Athletico nesta quarta-feira, às 19h, no Morumbi, marca o reencontro de Pablo e Bissoli com seus ex-times. Atualmente, eles lideram a artilharia na temporada vestindo as camisas de Tricolor e Furacão. O ge acompanha a partida pelo Tempo Real, com vídeos exclusivos de lances e gols.

Referências no ataque dos times de Fernando Diniz e Dorival Júnior, respectivamente, Pablo e Bissoli têm em comum o faro de gols na temporada 2020. Os dois têm sete gols cada marcados no ano e são os artilheiros isolados de suas equipes.

Outra coincidência é que os dois foram revelados nos times que defendem atualmente: Pablo ficou por 12 anos no Athletico, enquanto Bissoli passou nove no São Paulo.
Pablo foi vendido pelo Athletico ao São Paulo no final de 2018, logo após o Furacão ser campeão da Copa Sul-Americana. O jogador custou 6 milhões de euros (R$ 26,6 milhões na cotação da época) ao Tricolor, mais 1 milhão de euros de bônus por metas cumpridas, totalizando 7 milhões de euros na negociação por 70% dos direitos do atacante - o Furacão manteve 30%. Na época, Pablo também havia despertado o interesse de Palmeiras e Flamengo.

Tabela completa do Brasileirão
Raízes em São Paulo e Athletico
Pablo iniciou a carreira no Athletico com 14 anos, em 2006, e passou por todas as categorias de base até chegar ao profissional. Durante todo este período, ele também passou foi emprestado para Figueirense (2013 e 2014), Real Madrid B (2014) e Cerezo Osaka-JAP (2015). Ele voltou ao Athletico em 2016 e teve um grande ano em 2018, quando foi artilheiro do time, com 18 gols, e sendo um dos principais responsáveis pelo primeiro título internacional do clube, a inédita taça da Copa Sul-Americana.

Naquela campanha, o atacante disputou todos os 12 jogos e terminou como artilheiro do Furacão no torneio com cinco gols (dois deles nas finais contra o Junior Barranquila), empatado com Benedetti, do Deportivo Cali, da Colômbia, e com três assistências. No total foram 171 jogos, 34 gols marcados e três títulos conquistados pelo Athletico. Só na Arena da Baixada o atacante marcou 24 gols.

Titular na equipe de Fernando Diniz, Pablo soma sete gols em 17 jogos na atual temporada. Ele já igualou os mesmos sete gols marcados em 2019, só que com 13 jogos a menos. A média aumentou de 0,23 para 0,41.

Gols em 2020: Água Santa, Santos (2x), Bragantino (2x), Mirassol e Sport.

Bissoli foi revelado no São Paulo, onde surgiu como promessa. No time do Morumbi, ele foi vice-artilheiro do Campeonato Paulista sub-17 de 2015, com 22 gols. A curiosidade é que quando o jogador foi alçado para o time principal do Tricolor o técnico era Dorival Júnior, atualmente comandante da equipe principal do Furacão.

No São Paulo, Bissoli disputou só duas partidas como profissional: na derrota para o São Bento, pelo Paulistão de 2018, e na vitória sobre o Madureira, pela Copa do Brasil. Ele só tem 18 minutos em campo pela Série A, quando esteve em campo na partida contra o Bahia, pela última rodada do Brasileirão de 2018.

Insatisfeito com o tratamento no clube paulista, Bissoli preferiu sair. Como não aceitou certas condições salariais para renovar o contrato, ele ficou de agosto a janeiro treinando no CT de Cotia, longe do elenco principal.

Guilherme Bissoli chegou ao Athletico no começo do ano, emprestado pelo Fernando de la Mora, do Paraguai. Ele logo chamou a atenção quando marcou um gol no amistoso contra o Racing, em janeiro, depois de ter começado a pré-temporada com os aspirantes.

Aos poucos, se encaixou na equipe e foi um dos artilheiros do Athletico no Campeonato Paranaense, com seis gols. Ele também marcou o gol da vitória rubro-negra contra o Peñarol, na estreia da Libertadores, com um gol de letra. Ao todo, portanto, são sete gols marcados em 11 jogos.

O jogador sofreu um edema na coxa na final do Campeonato Paranaense e, agora recuperado, só agora ficou à disposição no Athletico.

- Estou bem ansioso pelo meu início do Brasileirão porque não tive muito tempo na competição e esse ano vai ser um jogo atrás do outro. Creio que teremos grandes todos e darei meu máximo em cada partida para ajudar a equipe. É uma oportunidade nova para mim e espero aproveitar da melhor maneira possível - disse via assessoria de imprensa.


Gols em 2020: Cascavel CR (2), Peñarol, Londrina (2) e FC Cascavel (2).